quinta-feira, 4 de junho de 2015

PEDINDO A CONSOLAÇÃO DE DEUS

Há situações na vida que temos tantas dúvidas que não conseguimos falar com nossos parentes ou amigos, pois ficamos mais irrequietos ainda por causa das opiniões deles. Desesperados e sem saber o que fazer, falamos com DEUS. Vivi um momento assim durante a Faculdade de Letras que fiz: na época era apaixonado por uma garota que não me dava bola (quem já não viveu isso?). Estando nesse impasse, resolvi escrever este poema. Boa leitura pra vocês!

PEDINDO A CONSOLAÇÃO DE DEUS

DEUS, porque DEUS?
Não me mate com a dor
E me viva com o teu amor.

Acho que estou apaixonado?
Pela mulher perfeita!
Mas não sei?
Se for eu que não sou perfeito.

Minha vida não mudou.
Continua a mesma.
Mesmas histórias e
Mesmas tristezas.

Sinto-me sozinho.
Como um menino
Abandonado por sua mãe.

A tristeza me consome.
Fazendo meus membros
Se amarrarem.

O que faço?
Meu DEUS!
Eu luto ou morro?

Meu DEUS!
Quero te pedir.
Como todos os seres fazem.
Console-me

Com todo o seu amor!



Nenhum comentário:

Postar um comentário